Na próxima semana, empresas e startups brasileiras estarão em Barcelona participando do Brasil IT+, uma iniciativa de cooperação apoiada pela SOFTEX (Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro) e pela Apex Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), que tem como objetivo promover as empresas brasileiras do setor de TI no exterior.

Segundo a Softex, o Brasil é o 9º maior mercado de TIC no mundo – com mais de 1,5 milhão de profissionais, existem 40 polos tecnológicos espalhados por todo o país. Além disso, o setor deve crescer dois dígitos novamente em 2018.

 Os participantes irão ao Mobile Word Congress, a maior feira de Mobile do mundo, que recebe mais de 108 mil visitantes e 2300 expositores, ou seja, eles terão acesso a empresas como Alibaba, AT&T, Deloitte, China Mobile, Toyota, Google, Facebook, entre outras. Além de reuniões com diversas empresas como Qualcomm e Orange, operadora francesa.

“O Mobile Word Congress é um evento muito rico em tendências tecnológicas e também políticas publicas, geração de negócios e encontro com os grandes players, o que é muito importante para as empresas brasileiras”, destaca Ruben Delgado, Presidente da Softex.

A delegação brasileira terá um estande dentro do evento onde poderá expor o seu negócio e fazer reuniões. Uma aposta também desse ano foi na parte de conteúdo, que terá a participação do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e o BNDES – Banco Nacional do Desenvolvimento, falando sobre o Plano Nacional de IoT, além de empresas como Oracle, Ericson e Banco do Brasil.

A seleção das empresas selecionadas que participam do projeto IT + e que já trabalham pensando na internacionalização. Veja abaixo a lista das empresas que participarão da ação:

BRQ – Consultoria e outsourcing, serviços financeiros
BWtech – E2E performance optimization
CERTISIGN –  Certificados digitais
CONTROL – Mobile, tracking, logística, B.I
EITV – Plataforma para mídia digital, streaming e TV
EVERYTI – Messaging App, anti-fraud solutions, Security
ICARO TECH – Dashboards cognitivos com solução WATSON , AI, automação
MC1 – Processos e inteligência de negócios utilizando a mobilidade como plataforma tecnológica
MT4 –  Segurança (privileged account and session management. Password vault)
NAVITA TECNOLOGIA – Gestão de dispositivos móveis (MDM) , gestão de custos de telecom (TEM), IOT. Fornecedor global da Telefônica
SENIOR – Sistema de controle de acesso na núvem, ( tecnologia mobile, cloud, blockchain)
SIKUR –  Segurança e criptografia. Granitephone: celular criptografado com altos níveis de segurança.
ROCKETCHAT – Plataforma de mensagens (Open source team chat platform)
TOKENLAB – Desenvolvimento de apps, soluções para pagamentos
VORTIGO – Solução empresarial móvel
WAVY/MOVILE – Produtos de conteúdo, ferramentas corporativas de comunicação
W5 SOLUTIONS – Desenvolvimento de apps, análise de dados, BI

Com um portfólio alinhado com as demandas tecnológicas globais, as empresas ofertarão soluções empresariais móveis, acompanhadas de segurança e criptografia, bem como produtos de conteúdo para operadoras e plataformas de mídia digital. Tudo isso e muito mais seguindo as últimas tendências em BI, Big Data e Inteligência Artificial, pilares da revolução tecnológica em IOT.

Julia Grala, Desenvolvedora de negócios da Rocket.Chat, startup brasileira que fornece uma plataforma de chat open source, e que recebeu um aporte de US$5 milhões do fundo de investimentos americano New Enterprise Associates (NEA), contou que motivo da startup participar da ação é para ampliar a sua visão de marca, achar potenciais revendedores e clientes diretos.

Quem também está apoiando essa iniciativa da Softex e Apex Brasil, é o clube de inovação S.MATCH – Global Innovation Club, que conta com os seguintes mantenedores: Startupi, Bossa Nova Investimentos, BMG UpTech, Softex, Porto Digital, Beats Brasil, Stefanini e World Trade Center.

Um dos benefícios oferecidos pelo clube aos seus mantenedores é a participação em missões e eventos internacionais. Nessa edição, quem acompanhará a delegação brasileira uma associada da Bossa Nova.

“Um dos pontos mais importantes para a capacitação dos investidores, empresários e empreendedores brasileiro de tecnologia em um processo de internacionalização é poder vivenciar a experiência do mercado internacional lidando com as pessoas fora do Brasil, conhecendo o mercado, aceleradoras, empresas, executivos e outras startups, portanto essa iniciativa é fundamental”, destaca Geraldo Santos, Gerente Geral do S.Match.

A parceria permite que possa levar para essas missões internacionais e eventos internacionais startups e profissionais residentes do espaço, nessa edição quem participará é uma associada da Bossa Nova, empresa de investimento semente liderada pelos empresários Pierre Schurmann e João Kepler.

Segundo o Presidente da Softex, esse evento é o que mais gera retorno sobre investimento positivo, (ROI), e o lugar onde as empresas conseguem realmente fechar negócios. Exemplo disso é o caso da Navita, especializada em soluções para gerenciamento de dispositivos móveis, que já participou de outra edição do evento e que firmou uma parceria comercial com a Telefonica para a ampliação de soluções mobilidade (EMM) para o mercado global. Para esse ano, a estimativa de geração de negócios é de U$30 milhões.

Com certeza será uma semana de muito aprendizado, visibilidade e networking para as empresas brasileiras. Vale ressaltar que é importante os participantes se prepararem, aprimorar os leads, fazer a preparação prévia de pitch, do seu discurso de venda do produto ou solução e claro, estudar o evento, conhecer suas características e participantes.

Para saber mais detalhes sobre o Projeto Brasil IT+ clique aqui.