A Volkswagen realizou ontem a estreia mundial do I.D. Vizzion em Genebra. O novo carro da montadora, chamado de automóvel do futuro, traz uma série de novidades, entre elas, a ausência de volante e controles visíveis. Toda a direção do carro elétrico é autônoma e controlada por voz.

Atualmente, a Volkswagen está promovendo o desenvolvimento de veículos modernos em todas as áreas. O objetivo disso é “aplicar tecnologia inovadora para tornar o automóvel limpo, mais seguro e muito mais conveniente e confortável. Com essas novas qualidades, o carro poderá ampliar sua importância e valor para a mobilidade futura. Além disso, o uso deste carro será possível para grupos de clientes que não podem dirigir hoje”, diz a montadora.

O novo I.D. Vizzion é o quarto membro da família Volkswagen de carros I.D. “Com sua tecnologia inovadora, conceito de operação totalmente automatizado e forma elegante, o MVP de classe premium está mostrando a direção da Volkswagen que está incorporando a tecnologia e o design de seus futuros modelos elétricos”, explica o comunicado.

Dentro do veículo, os engenheiros exploraram sistematicamente os potenciais da condução autônoma. O “motorista digital” com seus muitos sistemas de assistência assume o controle do veículo. Para o motorista e os passageiros, isso significa uma nova dimensão de segurança e conforto.

O carro-conceito dirige, orienta e navega de forma autônoma no trânsito, permitindo que os passageiros possam estruturar livremente o tempo durante a viagem. Um host virtual, com o qual os passageiros se comunicam através de controle de voz e gesto, conhece as preferências pessoais dos hóspedes do veículo – graças à incorporação completa no ecossistema digital – e se adapta a cada um deles individualmente.