A WOW, uma das primeiras aceleradoras de startups do Brasil, criou mais um grupo de investidores com intuito de promover o crescimento de novas startups. Com o novo fundo Investac III, a WOW chega à marca de 165 investidores individuais – o maior número entre as aceleradoras brasileiras – e deve acelerar 24 startups no período de dois anos.

André Ghignatti, diretor executivo da WOW, explica que alguns dos investidores deste grupo são empreendedores que foram acelerados pela Wow e que já realizaram uma saída, como cash out. “Assim o projeto se realimenta, com dinheiro e conhecimento gerados no ecossistema retornando para o ecossistema. É também um importante reconhecimento por parte dos empreendedores”.

Em um grupo tão grande, é natural que tenham pessoas de diferentes segmentos e variados conhecimentos técnicos. Para aproveitar ao máximo a expertise de cada um, os investidores serão organizados em “clusters”. Assim, empreendedores com experiência e networking em determinada área podem auxiliar as empresas com as quais tem mais afinidade.

Os investidores poderão escolher participar de grupos de conhecimento de mercado como: agrotech, varejo, indústria 4.0, fintech, construtech etc, e também de grupos de conhecimento profissional como marketing e modelo de negócios, user experience e produto, finanças, tecnologia e infraestrutura, vendas, entre outros.

Neste modelo, cada startup terá seu mentor, que servirá como padrinho para canalizar as demandas da startup para o cluster de mercado e networking ou para os clusters de conhecimento profissional específico. Um investidor poderá participar de mais de um cluster.

Ghignatti explica que cada grupo terá um líder que será responsável por fomentar a geração e troca de informações no grupo, bem como ajudar na curadoria de conteúdo. “A intenção é que cada grupo tenha um investidor ou investidores que representem uma empresa consolidada no setor para auxiliar as novas startups. No grupo de construtech, por exemplo, as aceleradas terão suporte da Softplan, referência em software para construção civil. As startups do grupo poderão se conectar ao principal player do mercado e aproveitar canais de venda já existentes, estrutura física, parcerias estratégias, entre outros benefícios”, comenta.

Hoje, a WOW conta com 45 startups aceleradas, mais de R$ 8 milhões investidos e mais de R$ 19 milhões captados em follow on.