Por meio de atividades lúdicas, o conhecimento científico e tecnológico foi aplicado em quatro desafios que compõem o V Technology Day, um evento integrador que reuniu estudantes de graduação e de Ensino Médio na noite da última sexta-feira, no Ginásio de Arena do Complexo Esportivo da Univates, em mais uma noite da programação do 11º Congresso de Ciência e Tecnologia do Vale do Taquari (CCTEC). A atividade, promovida pelo Projeto de Extensão Tecnologias Multidisciplinares Aplicada (Tema), reuniu 68 equipes e cerca de 350 estudantes.

O V Technology Day é composto pela V Competição de Pontes de Espaguetes; o V Desafio de Desenvolvimento de Produto; o I Aparato de Proteção ao Ovo (APO) e o X Campeonato de Robótica, do qual participaram os estudantes de Ensino Médio Gabriel Lutz e Renan W. Ruschel, do Colégio Martin Luther, de Estrela. Eles participaram de oficinas sobre robótica e levaram cerca de uma semana para montar o robô. “Descobrimos que não podemos confiar nos sensores”, brincaram eles, que pretendem fazer um curso superior na área.

I Aparato de Proteção ao Ovo

Por outro lado, na plateia, o pequeno João Felipe Delfino ficou encantado pelo X Campeonato de Robótica, no qual robôs precisavam percorrer um caminho e protagonizaram uma luta de sumô. João, que gosta de montar quebra-cabeças, também se divertiu com os carrinhos projetados pelos estudantes para o V Desafio de Desenvolvimento de Produto. Ele veio ao evento acompanhado da mãe, Daniele Oliveira, que é diplomada em Administração pela Univates. “Quando estudei aqui não havia o Complexo Esportivo ainda e estou encantada. Nos mudamos em janeiro para Lajeado e frequentamos a Instituição sempre que possível. Acho interessante os eventos que movimentam a comunidade e unem a parte intelectual e o conhecimento, pois despertam o interesse”, afirmou ela.

X Campeonato de Robótica

Com 14 equipes inscritas, o V Desafio de Desenvolvimento de Produto foi o primeiro a encerrar as atividades da noite, com premiação para o grupo que percorreu em pouco mais de 59 segundos um percurso com obstáculos com o carrinho de papelão. Formada pelos estudantes de Engenharia Mecânica Neide Brumelhaus, Guilherme Rambo, Daniel Benvenutti e Rodrigo Wommer, além do aluno de Ensino Médio Gustavo Wommer, a equipe ingressou na competição motivada pelo professor Carlos Henrique Lagemann na disciplina de Gestão de Projetos. ‘A ideia era participar, mas quando fizemos o teste com o carrinho ficamos confiantes”, afirmou Brumelhaus. Rambo completou que a atividade deu bastante trabalho, mas foi gratificante pelo grupo poder aplicar o conhecimento e colocar o projeto em prática.