Mentores ou conselheiros são geralmente executivos ou empreendedores, em atividade ou não, que possuem experiência profissional e que já tem uma carreira estabelecida e, diferentemente dos profissionais de coaching profissional, eles têm como objetivo fazer a startup crescer.

E é possível identificar um mentor ou conselheiro a partir de 4 pontos citados por Marcelo Amorim, da Jacard Investimentos, durante sua apresentação no Congresso de Investimento Anjo da Anjos do Brasil:

1 – O conselheiro não tem motivações financeiras

Um conselheiro não tem, imediatamente, uma motivação financeira, ou seja, não tem como propósito receber uma remuneração. Caso o empreendedor queira, ele até pode oferecer uma recompensa ao mentor no futuro se a startup tiver sucesso, como um cargo como conselheiro ou então ações da empresa, mas a remuneração nunca virá em forma de dinheiro porque essa não é a prerrogativa e a relação entre ambas as partes.

2 – Mentores, além de compartilhar conhecimento, também querem aprender

Orientando uma startup, o conselheiro também aprende. Não é porque ele já tem mais experiência do que o empreendedor que ele não tem mais nada a absorver. Ou seja, é uma via de mão dupla.

3 – Ampliação de networking

No início da startup o networking ainda está “engatinhando”, enquanto isso o conselheiro, por ser um profissional experiente que passou por diversas empresas, irá a ajudar a startup a aumentar sua rede de contatos.

4 – Reputação

Seguindo essa linha de pensamento, com um bom networking, uma carreira profissional destacada e importância no segmento da startup, naturalmente o conselheiro carrega uma boa reputação trará uma imagem positiva para a startup. Principalmente se ele já foi mentor de outras empresas de sucesso. Com isso, ele agrega de imediato credibilidade.

Em suma, as principais diferenças entre um conselheiro e um coaching são a remuneração e o objetivo a ser atingido!

Esse tema foi só uma pequena parte do que aprendemos com o Marcelo Amorim no Congresso da Anjos do Brasil de 2016. Você pode assistir ao vídeo completo aqui: