Os municípios de Passo Fundo, Campo Bom e Florianópolis apresentam durante o 1º Congresso Gaúcho de Cidades Digitais, que será realizado em Bento Gonçalves, dias 10 e 11 de agosto, projetos inovadores que estão resultando em melhorias na qualidade do ensino público. São as tecnologias educacionais cada vez mais introduzidas no processo de aprendizado, mas não somente o uso de tablets, notebook e internet nas escolas.Para o secretário de Educação de Florianópolis (SC), Maurício Fernandes Pereira, é preciso reconstruir o plano de educação a partir das novas mídias.

Pereira afirma que, além de infraestrutura tecnológica, inovar no processo pedagógico passa pela capacitação dos profissionais da área e a criação de uma cultura digital. “Isso não tem volta”, afirma. Na capital catarinense, diversas iniciativas e aplicativos têm surgido nas escolas. O município disponibiliza, além de equipamentos, ambientes virtuais e cursos online para os professores, aulas de robótica nas 36 unidades básicas educacionais. “Cada escola tem a sua dinâmica. Enquanto rede, damos as condições, incentivando a trabalhar com as novas mídias. As escolas tem vida própria e fazem acontecer”, destaca o secretário.

Passo Fundo, localizado na região Noroeste do Rio Grande do Sul, é outro município que investe em aulas de programação e na mudança de conceitos do ensino ao transformar os alunos em produtores de soluções. Na opinião do secretário de Educação da cidade, Edemilson Brandão, os gestores devem buscar possibilidades para captar recursos e implantar iniciativas visionárias.

Com uma secretaria específica para inovação educacional, o município criou em 2014 o projeto Escola de Hackers, que leva linguagem de programação para crianças a partir dos quatro anos. Segundo o secretário, o potencial da robótica é uma alternativa que melhora o desempenho de crianças e adolescentes dentro e fora da escola. “Não queremos que o aluno seja usuário de tecnologia, mas autor”.

Congresso

Gratuito para servidores públicos, o 1º Congresso Gaúcho de Cidades Digitais é organizado pela Rede Cidade Digital (RCD) em parceria com a Prefeitura de Bento Gonçalves e irá reunir prefeitos, gestores, vereadores, academia e empresários para tratar de modernização e desenvolvimento socioeconômico dos pequenos e médios municípios por meio de investimentos nas Tecnologias da Informação e Comunicação. As inscrições podem ser feitas pelo site.

Na pauta do encontro consta a apresentação de políticas públicas, soluções de mercado, linhas de financiamento e modelos em andamento nas localidades. De acordo com o diretor da RCD, José Marinho, o objetivo é promover a troca de experiência entre os gestores e facilitar o planejamento e investimento em tecnologia nas cidades.

“Durante o evento, gestores e vereadores terão acesso a iniciativas para aprimorar áreas como Saúde, Educação, Segurança, Finanças, entre outras. A tecnologia é transversal aos diversos setores municipais e precisa ser incorporada de forma estratégica para o aprimoramento dos serviços públicos e promover melhorias na qualidade de vida das pessoas”, observa Marinho.