Estão definidos os 10 brasileiros que irão concorrer à grande final do SingularityU Brazil Global Impact Challenge 2017. Eles foram selecionados por um grupo de especialistas da Singularity University, em conjunto com representantes da Mkt4Edu, organizadora do desafio no Brasil, entre os 107 projetos inscritos para o desafio e agora deverão defender suas ideias pessoalmente ou por videoconferência no pitch que acontece nesta quinta-feira, 4 de Maio, na sede da Universidade Positivo, em Curitiba.

O vencedor ganhará a oportunidade de participar gratuitamente do Singularity University Global Solutions Program (GSP) na sede da universidade dentro do centro de pesquisas da NASA no Vale do Silício. O tema desta edição do desafio é ‘Educação para o Século XXI’ e os projetos devem atender a um ou mais dos quatro eixos: Acesso à Educação (ensino à distância com ou sem o uso de tecnologia); Educação para Habilidades Socioemocionais (criatividade, empatia, resolução de problemas, empreendedorismo etc.); Educação Baseada em Projeto (PBL, gamificada, transdisciplinar etc.) e Educação para o Meio Ambiente.

Os dez selecionados para a final são: Alan Morgensztern, Amaral Oliveira, David Silveira, Fausto Vanin (Molho Secreto + Inspiring Makers), Guilherme Junqueira (Gama Academy), Guilherme Lichand, Monica Noda (Blockos), Nadine Heisler (Wassmer), Tonia Casarin (Fireworks) e Viviane Ribeiro.

A banca julgadora será integrada por Manny Orellana e Mariana Fonseca, representantes da Singularity; Gustavo Gonçalves, CEO da Mkt4Edu; Allan Costa, empreendedor, palestrante e investidor-anjo; e o Professor Ruy Sant’Ana, PhD em Engenharia pela Colorado State University e CEO do Instituto Ermínia Sant’Ana.