* Por Julie Krauniski

Recentemente, o prestigiado Business Insider lançou um lista com as 28 empresas de tecnologia mais cool de Berlim. E o mais legal dessa história é que várias delas contam com profissionais brasileiros. Confira as 10 melhores:

  1. Zalando

Zalando é um e-commerce de roupas, calçados e acessórios de 1.500 marcas e que está presente em 15 países. Além de sua plataforma on-line, a Zalando também tem uma loja física em um antigo edifício industrial na beira do rio Spree.

A brasileira Maíra Dominguez, 27, de Ribeirão Preto, é uma das profissionais brasileiras da Zalando Berlim. Ela finalizou recentemente seu Master em Brand Marketing na Itália e agora é Digital Campaign Strategist na empresa alemã.

Fundador: Robert Gentz
Ano de fundação: 2008
Funcionários: 12 mil

  1. Babbel

A Babbel é uma empresa de educação alemã conhecida pelo seu aplicativo de idiomas. Sua equipe é formada por linguistas, poliglotas, educadores e techs. Com o app, é possível aprender 14 línguas a partir do português: inglês, espanhol, francês, italiano, alemão, russo, turco, holandês, polonês, sueco, dinamarquês, norueguês e indonésio. Ele se destaca de outros aplicativos por contar com equipe didática e seguir o Quadro Europeu Comum de Referência para Línguas.

A empresa foi fundada na capital alemã há dez anos e, hoje, possui 450 funcionários de 39 nacionalidades nos escritórios de Berlim e Nova Iorque. Na sede berlinense, 12 profissionais brasileiros tornam possível o ensino de idiomas a partir do português, além de produzirem conteúdos e criarem campanhas adaptadas para o Brasil. Quem lidera a equipe da América Latina é o baiano Breno Pessoa, 39. Breno se formou em Comunicação Social em Salvador e fez mestrado em International Management na Roehampton University de Londres.

Fundadores: Markus Witte e Thomas Holl
Fundação: 2007
Funcionários: 450

  1. Amazon

A Amazon tem um centro de desenvolvimento em Mitte (centro de Berlim), onde cientistas trabalham na inteligência artificial da Amazon. Em termos de logística, a Amazon possui um armazém de 65 mil metros quadrados em Brieselang (30 km do centro) que fornece entrega no mesmo dia aos clientes em Berlim, Hamburgo e Leipzig.

Diretor: Ralf Herbrich é Diretor da Amazon Development Center Germany
Fundação: 1994
Funcionários: 16.500 na Alemanha e 1.000 em Berlim.

  1. Ada Health

A Ada desenvolveu um aplicativo de saúde pessoal que dá conselhos quando alguém está se sentindo mal. O aplicativo, lançado em 2016 após seis anos de pesquisa e desenvolvimento, permite ao usuário fazer perguntas e descrever seus sintomas para um médico virtual, que funciona por inteligência artificial.

Doutora-chefe: Claire Novorol
Foundação: 2011
Funcionários: 100

  1. Juniqe

Juniqe é uma empresa utiliza a arte de diversos designers independentes e imprimi as estampas em roupas e acessórios. Desde 2014, a loja on-line tem crescido rapidamente. Atualmente, ela vende para 13 países da Europa.

Fundadores: Lea Lange, Sebastian Hasebrink e Marc Pohl
Fundação: 2014
Funcionários: 104

  1. 6WunderKinder

6WunderKinders construiu o aplicativo de lista de tarefas Wuderlist que foi adquirido pela Microsoft em junho de 2015. Infelizmente, o gigante da tecnologia construiu sua própria versão do Wunderlist e agora planeja acabar com ele.

Fundador: Daniel Marschner
Fundação: 2010

  1. N26

O N26 é um app-banco com 300 mil usuários em toda a Europa. A empresa oferece um cartão de débito e uma conta que pode ser controlada a partir do aplicativo. Um dos recursos é a capacidade de fazer empréstimos de até 25 mil euros diretamente do smartphone.

Fundadores e CEOs: Valentin Stalf, Maximilian Tayenthal, Markus Gunter
Fundação: 2015
Funcionários: 200

  1. Clue

Clue é um aplicativo que ajuda mulheres a rastrear seus ciclos menstruais.

Fundadora: Ida Tin
Fundação: 2013
Funcionários: 50

  1. ResearchGate

ResearchGate é uma plataforma de mídia social para cientistas. Com a ajuda de Bill Gates e Goldman Sachs, a empresa arrecadou mais de 87 milhões de dólares. O aplicativo começou como uma plataforma gratuita para acadêmicos e tornou-se popular entre os cientistas que trabalham em corporações, incluindo empresas de tecnologia como Google e Facebook. O ResearchGate possui mais de 10 milhões de usuários.

CEO: Ijad Madisch
Fundação: 2008
Funcionários: 300

  1. SoundCloud

O serviço de streaming de música SoundCloud, que permite que superstars e amadores façam upload de áudio, é uma das empresas de tecnologia mais famosas de Berlim. Ela foi fundada em 2009 pelo designer de som Alexander Ljung e pelo artista sueco Eric Wahlforss. Apesar do sucesso enorme, a empresa ainda não encontrou um meio de se tornar rentável.

Os brasileiros que trabalham no Soundcloud dão uma palavrinha aqui.

Fundadores: Alexander Ljung e Eric Wahlforss
Fundação: 2009
Funcionários: 400

* Julie Krauniski é da Babbel, empresa de educação alemã cujo app oferece ensino de 14 idiomas