* Por Bruno Perin

Uma busca natural hoje das pessoas é por ideias que sejam diferentes, mais ousadas e fujam do comum. O mercado nunca quis tanto isso e foi tão receptivo a pessoas que criam modelos de negócio diferente. Outra coisa interessante é que também nunca foi tão rápido para conseguir trazer essas ideias para a realidade.

No entanto, conseguir tirar a mente dos pensamentos padrões é mais difícil do que as pessoas normalmente acham que é. A maior parte só percebe o tamanho da encrenca que é encontrar ideias diferenciadas, quando ficam um bom tempo boiando e não tem nenhuma realmente estimulante.

Após vários e vários cursos sobre Empreendedorismo de Alto Impacto (Startups) e muitas consultorias para ajudar as pessoas a pensar em Startups, resolvi passar umas três dicas aqui para você se preparar melhor e conseguir deixar a mente fluir para novas ideias de negócio inovadores.

#1 – Não faça isso no escritório

Você já percebeu a quantidade de ideias que tem quando está em outros ambientes fora o seu escritório? Isso já foi pesquisado algumas vezes e é comprovado, mas deixe-me explicar o porquê.

Acontece que a sua mente no escritório já está centrada na maioria das atividades corriqueiras e planejas para executar, portanto o modus operandi está em ativo. Outro ponto são as interrupções e trocas constantes com as pessoas que mantem sua mente nesse mesmo modo de operação. Por fim, até o próprio mindset das pessoas seguem uma linha lógica que vai anti a criatividade.

Ao sair do escritório e do ambiente de trabalho, você elimina esses pontos que foram citados acima e permita que a criatividade tenha muito mais chance de fluir.

#2 – Vai precisar de tempo

Apesar de muitas vezes você querer ter a ideia rapidamente, estar ansioso para que isso aconteça, não adianta querer isso com muito pouco tempo. Claro, que muitas vezes na pressão acabamos tendo boas sacadas, mas na maior parte das vezes elas surgem quando vamos dando tempo a isso.

A mente precisa de tempo para sair do padrão natural dela e entrar em outro. Você ao sair do escritório demora um pouco até sair daquela loucura do que precisa fazer, os objetivos, as dificuldades e todas as coisas até entrar no novo ciclo mental. Para ser criativo, é necessário não estar nos ciclos mentais normais, por isso um pouco de tempo vai ser importante para poder sair disso e poder começar a criar novas formas de pensar.

#3 – Selecione lugares onde você desligue do seu padrão normal

Onde você vai para poder ser criativo é essencial, o ambiente sempre será um grande influenciador. Cada pessoa tem o seu lugar de relaxar e conseguir se desconectar, assim como outros que aceleram o pensamento.

Por exemplo, quando eu estou caminhando, acabo sempre pensando muito nas minhas atividades, como fazê-las e lembrar de compromissos, portanto é péssimo para minha criatividade. No entanto, quando estou em livrarias, e fico lendo um livro, minha mente se desconecta e assim começa a ser mais livre para criar.

Este podcast é interessante para você entender sobre inovação – O Quanto Realmente Você Quer Inovar

A questão é saber onde você consegue ficar mais de boa, onde você não fica pensando no que tem que fazer e todas suas obrigações e objetivos, para simplesmente poder viajar mais nas ideias.

Essas três dicas parecem muito simples e são, a questão é que raramente as pessoas fazem as três. Na maior parte, elas seguem o padrão de ficar no escritório, ter pouco tempo e simplesmente acatar as primeiras ideias que venham na cabeça, desistem. Pense pelo lado positivo, que bom ser tão simples, assim não é tão difícil você se preparar para poder pensar ideias mais inovadoras.

Esse vídeo contribuir com o assunto:


Bruno PerinBruno Perin, um cara Free LifeStyle, empreendedor, consultor, palestrante e escritor. Autor do livro – A Revolução das Startups. Pioneiro na combinação dos conhecimentos em Startup, Empreendedorismo, Marketing e Comportamento Jovem alinhado a Neurociência. Busca das formas mais diferentes, malucas e inusitadas possíveis desenvolver pessoas e negócios que façam a diferença no mundo, de jeito divertido, valorizando a vida e o agora.