A Liv Up, startup de alimentação saudável que aposta na tecnologia de ultracongelamento com um mix de refeições práticas, fechou o ano de 2016 com uma receita anualizada de R$2,8 milhões e anuncia novo aporte de R$525 mil. Com o investimento, a empresa pretende expandir sua atuação para o Rio de Janeiro e prevê um crescimento de 300% até o final de 2017.

A atuação da empresa vem se tornando cada vez mais expressiva na entrega de alimentação saudável. Em menos de um ano, a empresa cresceu oferecendo uma variedade de opções de produtos, kits e pratos saudáveis, produzindo mais de 600 refeições por dia e efetuando entregas nas cidades de São Paulo, ABC, Barueri e Osasco.

“Mesmo com o cenário econômico desfavorável, 2016 foi muito satisfatório para o nosso negócio. Lançamos a empresa no final do primeiro trimestre e em menos de três meses conseguimos encaixar um crescimento contínuo e expressivo, um bom indicador que nossa ideia está sendo bem aceita e estamos conseguindo mudar o mercado de comidas congeladas”, explica Victor Santos, sócio-fundador da Liv Up.

O recente aporte contou com a base atual de investidores da empresa, funcionários-chave e também com a entrada do fundador do iFood, Patrick Sigrist, e do CEO da Rapiddo, Guilherme Bonifácio. A partir deste mês, a empresa já começa a operar no Rio de Janeiro com sua distribuição sediada em Copacabana. O preço médio das refeições será de R$22, o mesmo praticado em São Paulo, com a entrega agendada à tarde ou à noite de segunda a sexta, com o mesmo nível de serviço oferecido na capital paulistana.

“Estamos muito otimistas para 2017, não somente pela capacidade de investimento e expansão da empresa, mas também pela entrada de investidores estratégicos que estão colaborando com sua experiência para encontrarmos alavancas de valor para a empresa. Acreditamos que 2017 será ainda melhor que 2016, e nosso objetivo é fechar o ano com o faturamento na casa dos R$15 milhões ao ano”, finaliza Santos.