O Cesar Labs, programa de aceleração de empresas do Cesar – Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife -, visitou empresas e indústrias da região nordeste em busca de problemas que possam ser resolvidos com automação industrial.

Com os problemas em mãos, o Centro lançou o Desafio Radar Cesar.Labs, onde especialistas no assunto terão a chance de submeter projetos de soluções para estas oportunidades. Os interessados têm até o dia 30 de novembro para realizar a inscrição pelo site da iniciativa e enviar projetos de soluções para problemas reais de três grandes companhias multinacionais.

O Desafio Radar está em sua primeira edição e tem como objetivo ser um ponto de contato e conexão entre os problemas encontrados no mercado e pesquisadores/desenvolvedores de soluções tecnológicas.  Nesta primeira rodada a temática é “otimizando processos industriais através da automação”.

Os problemas a serem resolvidos são:

1 – A linha de produção e montagem de quase toda a fábrica é monitorada com “feedbacks” em tempo real para agilizar as respostas aos problemas que surgem. Porém, no setor inicial, chamado de Chaparia e Aramados, no qual se prepara as chapas de aço para a produção e toda a parte de aramados, este processo ainda é todo manual e assim proporciona imprecisões nos dados e consequentes problemas.

2 – Um centro de distribuição de grandes proporções possui sistema implantado de gestão (WMS), assim, o fluxo de material e informação da entrada, armazenagem e saída do material é bem controlada. Entretanto, o sistema está sujeito a erros humanos, seja na manobra das empilhadeiras, posicionamento incorreto dos garfos causando acidentes no empilhamento ou o pallet alocado no endereço incorreto.

3- Em uma a indústria de porte pesado, a entrada de material em máquina e embalagem de produto é algo de extremo risco para o funcionário, qualquer deslize pode levar a graves acidentes.

Critérios de Seleção:
1) Solução Factível e Executável
2) Custo de implementação e manutenção
3) Facilidade de Implementação
4) Replicabilidade

As três melhores soluções de cada problema, além de apresentar suas soluções para as indústrias participantes, poderão entrar no processo de pré-aceleração do Cesar.Labs, o Open Labs (Turma 2017.1).