Com o objetivo de incentivar universitários a repensarem o futuro da monetização para apps mobile, a Baidu, empresa de tecnologia chinesa, criou o Baidu Class, programa de fomento ao futuro da tecnologia nas universidades.

O evento promoveu a discussão e insights abordando temas como: cenário atual e tendências do mercado de internet, marketing digital, relações públicas, O2O e monetização, além de fazer os universitários responderem a seguinte pergunta “Como você imagina novas formas de monetização para aplicativos mobile?”

Os grandes vencedores do Baidu Class foram os estudantes Fernando Favoretti Vital do Prado, Hebert Shoiti Mitsunaga e Felipe Kenji Yoshida, da Universidade de São Paulo.

O trio propôs o uso de geomarketing para impulsionar a receita de aplicativos da modalidade Freemium, que possuem o download gratuito e permitem realizar compras dentro do app. Dessa forma, estabelecimentos do mundo offline ofereceriam produtos em troca de prêmios em apps de games, de acordo com a localização e o mapeamento de interesse do usuário.

Durante o programa Baidu Class, a empresa visitou os cursos de negócios digitais, administração, marketing e comunicação de quatro universidades de São Paulo para expor seu conhecimento e buscar insights sobre o assunto. Para a escolha, os alunos compareceram à sede do Baidu, em São Paulo, para defender o posicionamento, fazer networking com toda a equipe e conhecer o escritório. A iniciativa foi premiada com um voucher no valor de R$1.500,00 a ser utilizado no site Peixe Urbano.