A HP anunciou nesta segunda-feira que vai comprar a divisão de impressoras da Samsung em um acordo de US$ 1,05 bilhão. Com a aquisição, a companhia vai herdar 6 mil funcionários da Samsung assim que o negócio se concretizar completamente, o que a HP espera que seja dentro de 12 meses, disse o presidente de imagem e impressão da empresa, Enrique Lores. As informações são da Fortune.

Desses 6 mil novos funcionários, cerca de 2 mil são engenheiros de pesquisa e desenvolvimento, 1.000 são de vendas e pessoal de apoio, e o restante são de serviço e manufatura, disse Lores. com a aquisição, a HP conquista uma presença grande de impressão na Ásia, bem como a tecnologia de impressão a laser da Samsung e cerca de 6.500 patentes.

A tecnologia de impressão a laser da Samsung será crucial para a HP em sua tentativa de entrar no mercado de copiadoras, o que requer máquinas que podem imprimir rapidamente várias cópias, explicou Tuan Tran, gerente geral global de impressão de escritório da HP. “A Coréia vai ser um local muito importante para o negócio de impressão HP daqui para frente”, disse Lores.

Na semana passada, o Seoul Economic Daily informou que a Samsung estava considerando vender o seu negócio de impressoras por enfrentar dura concorrência com rivais como a Epson, Canon e a própria HP. A venda é parte de uma revisão geral corporativa da Samsung para melhor se concentrar em seus negócios principais, como smartphone, televisão e chips de memória.

Em 2013, a Samsung disse que iria se concentrar em vender seus serviços de impressão para as empresas, porque acreditava que era uma estratégia melhor do que a segmentação de consumidores. A Samsung não divulga o quanto de receita o seu negócio de impressão gera.