PUBLIEDITORIAL

Os custos iniciais de uma startup são sempre um ponto delicado. O mais comum é o empreendedor ter poucos recursos para investir e diante desse cenário os gastos com infraestrutura de TI costumam pesar no orçamento.

Com a computação em nuvem, ter uma infraestrutura robusta e escalável se tornou totalmente viável não só para startups, mas para empresas de qualquer tamanho. Ter  infraestrutura como serviço torna a gestão de TI mais fácil e segura, além de possibilitar um controle dos custos nessa área.

Além da redução de custos a computação em nuvem traz outros benefícios para sua startup, como:

  • Redução e otimização de custos com TI: na nuvem você só paga pelos serviços que usar, evitando desperdício de tempo e recursos com manutenção de equipamentos, infraestrutura ociosa e energia.
  • Backup seguro: não corre o risco de perder os dados com uma pane no computador, HDs queimados ou problemas no pendrive;
  • Segurança das informações: diferente do que muitos acreditam, seus dados na nuvem ficam com uma forte camada de segurança que é sempre atualizada, tornando-se mais segura do que dados em computadores locais.
  • Mobilidade: seus dados e sistemas ficam disponíveis a partir de qualquer dispositivo conectado à internet, permitindo trabalhar de qualquer lugar.
  • Liberação da equipe de TI: De acordo com a IDC, a nuvem liberta departamentos de TI da manutenção de sistemas e das atualizações de rotina, que afligem 71% das empresas pesquisadas.
  • Escalabilidade: Algo que é fundamental em qualquer startup é ser escalável. Com infraestrutura em nuvem, sua empresa tem flexibilidade para aumentar e diminuir os recursos conforme a demanda sem comprar novos equipamentos ou configurações complexas e instalações de sistemas.

Sistemas como e-mail, agenda e, cada vez mais, armazenamento, criação de documentos, planilhas e apresentações já estão disponíveis em nuvem a um custo acessível para as startups. Na Google, por exemplo, é possível contratar serviços como o Google Apps for Work e ainda ter hospedagem de outros sistemas na Google Cloud Platform.

Com o Google Apps for Work você pode, por exemplo, criar um documento enquanto se desloca para uma reunião, ou elaborar o pitch da sua startup em tempo real com os outros sócios, sem precisar estar fisicamente junto. É possível também criar planilhas para controle de orçamento, sem a necessidade de ter o arquivo físico sendo atualizado e criando várias versões do mesmo documento.

A adoção dessa tecnologia faz parte do processo de inovação das startups. Sua equipe não precisa ter um especialista em Cloud dedicado para ter os benefícios da computação em nuvem, a terceirização desse serviço é algo comum e a contratação de plataformas é simples.

A IPNET é uma empresa especializada em computação em nuvem, que oferece soluções como o Google Apps for Work atuando não só na implantação e suporte mas também na adoção dessa tecnologia dentro do cliente. Com consultoria, treinamentos e workshops, orienta a melhor forma para que o processo de migração para nuvem seja adequado e com baixos custos.

Quer saber mais sobre computação em nuvem? Baixe o e-book Guia Completo sobre Cloud Computing.