Depois de meses de negociações, o Yahoo anunciou nessa segunda-feira (25), sua aquisição pela Verizon, empresa detentora da Aol por U$4,83 bilhões em dinheiro, levando as divisões de conteúdo, pesquisa, anúncios e mobile. As informações são do TechCrunch.

É a segunda compra bilionária feita pela Verizon neste ano. Em maio do ano passado, a empresa adquiriu a AOL por US$ 4,4 bilhões. Dentro da Verizon, Yahoo e AOL serão integrados e ficarão sob a liderança de Marni Walden, presidente de inovação de produto e novos negócios.

No anúncio oficial, a Verizon citou algumas razões que justificaram a aquisição. O Yahoo tem uma audiência global de mais de 1 bilhão de usuários, incluindo 600 milhões no mobile. A empresa também possui marcas premium em finanças, notícias e esportes e o Yahoo Mail conta com 225 milhões de usuários ativos mensais.

“A aquisição do Yahoo colocará a Verizon em uma posição altamente competitiva como uma companhia de mídia móvel global, e ajudará a acelerar nossa corrente de receita digital com publicidade”, afirmou Lowell McAdam, presidente-executivo da Verizon e presidente do conselho.

A previsão é que a compra seja concluída em 2017. “O que realmente destaca o Yahoo é a paixão compartilhada de criar produtos de mais de 1 bilhão de usuários, e continuar a fazer isso, transformando o mundo em um lugar melhor”, afirmou a presidente-executiva do Yahoo, Marisa Mayer.