A Unilever acaba de adquirir o Dollar Shave Club, um clube de assinaturas norte-americano por US$ 1 bilhão. A fabricante de produtos pagará em dinheiro pelo negócio de entrega de produtos de higiene pessoal sediado em Santa Monica, na Califórnia. Além do valor e forma de pagamento, nenhum outro termo das negociações foi divulgado. A multinacional espera completar as transações até o fim do terceiro trimestre deste ano. As informações são da Fortune.

O fundador e CEO do Dollar Shave Club, Michael Dubin, continuará a administrar a empresa, que irá operar seus negócios como uma entidade independente. A aquisição deve ajudar o clube de assinatura a expandir mais rápido para novos países e melhorar significativamente a sua capacidade de distribuição em mercados existentes. Atualmente a empresa já presta os serviços em três países.

Os membros assinantes do clube podem pagar US$ 1 por mês para 5 cartuchos de uma lâmina simples de barbear até US$ 9 por mês, para 4 cartuchos de um produto de seis lâmina apelidado de “O Executivo.” Mais recentemente, os kits oferecidos se expandiram e oferecem também pomada de cabelo, hidratantes de pele e até mesmo lenços de higiene chamados de “The Wipe Charlies”, para competir no mercado de rápido crescimento para produtos de higiene masculinos.

O Dollar Shave Club já tinha levantado mais de US$ 160 milhões de investimento e recebeu em novembro passado uma avaliação de US$ 539 milhões. A rodada de investimento-semente foi conduzida pela Forerunner Ventures e os de Série A e B foram lideradas pela Venrock, enquanto a Technology Crossover Ventures levantou suas duas rodadas seguintes.

No Brasil, o segmento de clubes de assinatura ainda é incipiente, comparado ao gigante mercado norte-americano. Mas por aqui também há uma infinidade de produtos e serviços que podem ser adquiridos por meio de assinatura. Conheça melhor sobre alguns deles aqui.