O Google anunciou hoje os dez vencedores do Desafio de Impacto Social Google, uma iniciativa do Google.org que visa apoiar organizações sem fins lucrativos que estão utilizando a tecnologia para alcançar o impacto social.

Dois projetos vencedores por região foram selecionados, a partir de um total de 1052 propostas apresentadas, para receber R$650 mil, inicialmente. Porém, o processo ainda está longe de terminar: as ONGs terão agora a oportunidade de aumentar o valor de seus prêmios para R$1,5 milhão e o Google está pedindo aos usuários para ajudar a selecionar os seus projetos favoritos.

“Estamos animados de ver a repercussão do Desafio de Impacto Social em todo o Brasil. Recebemos excelentes projetos de todas as cinco regiões e, tivemos de tomar algumas decisões difíceis”, disse Jacquelline Fuller, diretora do Google.org e membro da Comissão Julgadora que selecionará três dos quatro vencedores do Grande Prêmio. “Agora, estamos ansiosos para ouvir os comentários dos nossos usuários brasileiros”.

A partir de hoje, e até 13 de junho, os usuários podem visitar o site do Desafio de Impacto Social e votar em até quatro dos projetos que mais gostaram. O site contém informações sobre as instituições e vídeos explicando seus projetos. A ONG com o maior número de votos receberá um dos maiores prêmios, conhecido o Favorito dos Fãs.

O restante dos vencedores do Grande Prêmio serão selecionados no evento finalista, em 14 de junho, que será realizado nos escritórios do Google Brasil, em São Paulo. Na ocasião, as 10 instituições terão a oportunidade de apresentar suas ideias ao vivo a um painel de juízes composto por pessoas do mundo artístico, esportes e filantropia: Regina Casé, atriz e apresentadora de TV, Marta (jogadora de futebol feminino e embaixadora da ONU); cacique Almir, líder da população indígena Suruí; Denis Mizne, diretor executivo da Fundação Lemann; Adriana Varejão, artista brasileira; e Jacquelline Fuller. O  projeto favorito dos fãs também será anunciado no evento.

Projetos finalistas por região:

Norte

WWF Brasil: Uma armadilha de baixo custo para mosquitos e um aplicativo para rastreamento via crowdsource para ajudar a acabar com a disseminação de doenças como o Zika e a Dengue.

IPAM – Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia: Uma plataforma online que ajuda comunidades indígenas a se adaptar às mudanças climáticas fornecendo alertas de situações críticas.

Nordeste

Transparência Brasil: Uma plataforma digital e aplicativo que monitora projetos de construção de escolas com financiamento público, para garantir a prestação de contas do governo.

INOVAGRI – Instituto de Pesquisa e Inovação na Agricultura Irrigada: Uma plataforma que conecta fazendeiros  a empresas de gestão de água com informações para a distribuição justa de água.

Centro-Oeste

Aliança da Terra: Uma plataforma que conecta agricultores à informação que eles precisam para construir negócios mais fortes.

Vetor Brasil: Um portal interativo sobre carreiras no governo que conecta jovens líderes a trabalhos de alto impacto público.

Sudeste

ITS – Instituto de Tecnologia e Sociedade: Um aplicativo que possibilita cidadãos a debater e criar propostas de política pública, assim como coletar assinaturas digitais

Instituto Arredondar: Uma plataforma que transforma as compras do dia-a-dia em oportunidades para fazer doações às organizações sem fins lucrativos ao arredondar os pagamentos em lojas físicas.

Sul

THEMIS: Um aplicativo para informar, educar e capacitar trabalhadores domésticos sobre seus direitos.

Centro de Valorização da Vida: Um aplicativo para tornar o aconselhamento de saúde mental acessível aos brasileiros vulneráveis.

Para mais informações sobre o Desafio de Impacto Social e as ONGs finalistas acesse o site do evento.