É muito comum que todo mundo busque no Google informações sobre saúde, seja uma simples dor de barriga, por causa de um resultado de exame enigmático ou por causa de más notícias sobre um amigo querido. Com frequência, em vez de nos tranquilizar, essa busca pode nos deixar mais preocupados, temendo ter sido alvo de uma doença rara ou perdidos no jargão médico.
Pensando em resolver esse problema tão comum dos usuários do Google, os engenheiros do escritório em Belo Horizonte criaram uma solução que foi primeiramente lançada nos EUA e chegou ao Brasil hoje, 9 de março: em uma inédita parceria com o Hospital Israelita Albert Einstein, anunciada nesta manhã, o Google criou uma série de quadros com informações a respeito de centenas das doenças mais buscadas pelos usuários em todo o mundo.Esses novos quadros começaram já hoje a aparecer no topo dos resultados de busca, contendo ilustrações, dados básicos sobre cada doença, sintomas mais comuns e formas de contágio, tudo devidamente revisado por dezenas de médicos.
Seção do quadro de catapora

“Nossa expectativa é a de que, com esse “check-up”, consigamos oferecer a qualquer pesquisa sobre qualquer enfermidade um ponto de partida com a excelência de ninguém menos do que os médicos do Einstein”, diz a empresa em publicação.