* Por Eduardo Diamenti

O que fez essas empresas chegarem no patamar onde estão? Qual seria o segredo delas? A gente revela para você!

Afinal, o que será que a Apple, Red Bull e Chilli Beans têm em comum? Seria o modelo de negócios, planejamento ou posicionamento de marca? Apesar de haver uma semelhança nesses quesitos, o grande responsável pelo sucesso das três marcas, que são referências nos setores em que atuam, é o storydoing. Não sabe bem qual o significado da palavra?

A gente explica: a expressão significa fundamentar a história de uma empresa no “fazer”, ou seja, criar uma relação com o cliente pelas ações e atitudes que serão responsáveis pela credibilidade perante seu público. Vai mais além do que contar uma história e, sim, fazer por merecer a fama recebida.

Red Bull

A marca faz muito bem o seu papel de contadora de histórias, como também de realizadora. A prova disso é que a empresa tem uma comunicação que visa o longo prazo e consolida a sua imagem.

A famosa frase “Red Bull te dá asas” mantém a sua essência durante anos, adaptando-se às variações conforme a mídia e o contexto, e atua em incontáveis frentes, desde comerciais em forma de simples animações até produções de esportes, como é o caso da Fórmula 1.

Mais do que ser uma fabricante de energético, ela tornou-se uma das empresas que mais investe em eventos esportivos, como por exemplo, a gestão de uma escuderia de Fórmula 1 e de um time de futebol. Essas ações têm relação com os seguintes fatores: vincular os efeitos do energético, que energiza e deixa a pessoa mais ativa, com a corrida – esporte de alta performance que exige rapidez e reflexos rápidos. A expressão “Red Bull te dá asas” complementa isso porque passa a ideia de liberdade e de controle para fazer o que bem entender.

Apple

A marca é exemplo e referência de um storytelling construído sobre sólidas iniciativas de storydoing. Mas, como ela conseguiu isso? Bom, levou tempo, mas valeu a pena. A empresa desde seu início começou a relacionar os seus produtos à inovação, simplicidade e modernidade. Isso só deu certo porque a empresa realmente entregou o que prometia.

Os comerciais da marca, desde o início, sempre trouxeram perspectivas diferentes de vender os seus produtos. Por exemplo, recentemente, uma propaganda mostrava uma imagem bonita e de alta qualidade e em seguida aparecia a frase: “tirada com o Iphone 6”. Não precisava dizer mais nada, a foto já demonstrava a qualidade do que o smartphone pode fazer.

Atualmente, os celulares e computadores da companhia tem um forte apelo antes mesmo de serem lançados. Quando são anunciados, cria-se naturalmente uma movimentação e interesse natural que vai espalhando-se tanto pelo boca a boca quanto digitalmente, por meio das redes sociais.

Chilli Beans

“Não me custa absolutamente nada começar a plantar semente para o futuro. A gente é o 2º maior vendedor de óculos Barbie do mundo. Fizemos pesquisa de Top of Mind com crianças de 8 a 12 anos. De 10 deles, sete falam o nome Chilli Beans. Qual é a nossa ideia? Pensamos no futuro”, afirma Caito Maia, fundador da Chilli Beans.

A frase acima foi dita pelo empreendedor durante a gravação do Estudo de Caso produzido pelo meuSucesso.com. Na ocasião, Caito deixa claro uma coisa: a construção de um sólido storydoing. Ela está fazendo por merecer e por isso a empresa é reconhecida pelos jovens. A marca está preocupada em fazer a diferença tanto agora quanto nos próximos anos porque essas crianças vão crescer e serão clientes em potencial.

Quer saber mais sobre storydoing?

Então, pegue uma caneta e anote esta data: 12/01, às 22hs. O meuSucesso.com vai fazer uma Live Class, aula gratuita e com transmissão online, que traz Átila Francucci, um dos maiores especialistas do Brasil quando o assunto é storydoing. Não perca tempo, inscreva-se!

O meuSucesso.com é uma plataforma que traz todos os tipos de conteúdos, desde vídeos, cases e aulas com empreendedores e renomados professores do mercado. Não perca tempo de conhecer Átila Francucci na Live Class produzida por uma das maiores plataformas que fomenta o empreendedorismo. O empresário é referência internacional e já foi responsável por campanhas de sucesso, cuidando de marcas como Unilever, Bradesco, Apple, Nestlé e muitas outras.

Seus mais de 22 anos de experiência na área foram responsáveis por consideráveis prêmios: conquistou 17 leões no Festival de Publicidade de Cannes e o Prêmio Caboré como Profissional de Criação do Ano em 2005, entre outras premiações nacionais e internacionais. Hoje, o empresário propaga o conceito de storydoing por meio da Co:collective, que e é especializada em inventar e reinventar produtos, negócios e marcas.


Eduardo Diamenti MeuSucesso.comEduardo Diamenti é jornalista formado pela PUC-SP. Atua na área de Jornalismo há mais de quatro anos, com experiência em assessoria de imprensa, redação, redes sociais e marketing. Atualmente, é Analista de Conteúdo no meuSucesso.com.