A Faculdade de Informática e Administração Paulista – Fiap, propôs este ano um novo desafio aos formandos dos cursos de MBA. Pediram para que os alunos – substituindo o tradicional trabalho de conclusão de curso (TCC) – desenvolvessem o projeto de um novo negócio, no formato de uma empresa Startup. O programa conhecido na instituição como o Startup One vai recompensar os três melhores projetos com um curso executivo intensivo em uma das melhores universidades de empreendedorismo dos Estados Unidos, a Babson College.

Como funciona

A primeira fase do Startup One se concentra no desenvolvimento de competências, aprofundamento de metodologias e definição do tema do projeto da startup. Em seguida, o modelo de negócios é prototipado e finalizado para o processo de avaliação – os dez melhores participam da banca de premiação do programa. Antes da apresentação final, os grupos do Top 10 passam por uma mentoria de pitch. Já na etapa dos “pitch sessions”, uma banca externa formada por empreendedores, investidores e convidados da área de tecnologia dá o veredito final.

As startups vencedoras

Os grupos vencedores apresentaram projetos de diferentes áreas, como o projeto “Espichou? Trocou!”, o qual incentiva a troca de produtos infantis entre pais e comunidades por meio de um serviço de geolocalização. Já o aplicativo “Dim–dim” ajuda os pais no controle da mesada dos filhos por meio da meritocracia, ensinando às crianças conceitos de economia e finanças de forma lúdica e interativa. Para facilitar a comunicação entre o nutricionista e seu paciente, o “Mo.nu” é uma plataforma que reúne em um só lugar todas as informações necessárias para um diagnóstico mais rápido e preciso.

Preparados para a viagem rumo à Babson, os idealizadores das startups vencedoras terão a oportunidade de estar entre alguns dos professores empreendedores mais renomados do mundo. Durante uma semana, os alunos vivenciarão uma experiência de imersão nos ecossistemas de inovação e empreendedorismo, com aulas em período integral. Ao final do curso, terão a chance de apresentar o projeto vencedor do Startup One a uma banca de professores e jovens de diversos países.

“O mercado está exigindo um perfil mais empreendedor do profissional, ainda mais em épocas de crise, como a que estamos vivendo”, diz Marcelo Nakagawa, diretor de empreendedorismo da Fiap que irá acompanhar os alunos na viagem. “O programa estimula os alunos a identificar um problema no mercado, de modo que eles possam planejar uma solução inovadora para isso, validando no próprio mercado”, finaliza.