O passarinho azul mais conhecido da web está novamente na moda? Ao longo da última semana, nosso colunista Renato Ribeiro foi na Flight, a conferência que a Twitter promoveu em San Francisco para desenvolvedores de aplicativos móveis, e contou algumas novidades. Ontem, eu fui ao evento Twitter Summit, na Casper Líbero em São Paulo.

Depois de ouvir sobre como a iFood e a TV Gazeta programaram seus sites e aplicativos para utilizar os Twitter Cards, ouvi duas Danis falarem sobre os fundamentos da rede social de micro-mensagens – que ainda não são tão bem dominados por todos, como seria de se imaginar.

Se você reconhece a importância de comunicar direito, de promover suas causas, inclusive seus negócios, você deveria prestar atenção no que essas duas explicaram.

Daniela Bogoricin

Estrategista de marca no Twitter Brasil, @danibogoricin falou sobre como o Twitter é a distância mais curta entre uma pessoa e aquilo que interessa para ela. Em outra palavras (ou sinais gráficos): entre um @ e um #. Se você não entende a diferença ou para que servem, deveria MESMO assistir ao vídeo dela. Responsável por coordenar workshops e “live studios” com os maiores anunciantes da plataforma, quando querem fazer cobertura de eventos, ela contextualiza duas frases que valem não apenas para marcas ou comunicação no Twitter, mas para inovação e empreendedorismo em geral:

“planeje o previsível, prepare-se para os imprevistos; se não tiver coragem, não adianta ter vontade”.

São frases para a vida, mesmo. Assista ao vídeo da palestra dela.

Daniele Rodrigues

Planejadora e professora de comunicação digital, @dani_rodrigues falou sobre como “A Copa foi mais legal no Twitter”. Pelos slides dela, dá para entender como o Twitter é democrático, alternando bom humor e irreverência com informação séria e posicionamento de marcas.

Veja os slides que ela utilizou e inspire-se em vários exemplos.