Depois de algumas celebridades e até um jogador de futebol, agora é a vez de um jogador de basquete da NBA começar a investir em tecnologia. Mas não apenas em uma startup. Carmelo Anthony, que acabou de ser comprado pelo time NY Knicks pela bagatela de US$ 122 milhões acaba de abrir uma firma de venture capital junto com o executivo Stuart Goldfarb, a M7 Tech Partners.

O fundo jã começou investindo da empresa infantil Hullabalu, segundo informações do Techcrunch. A Hullabalu é uma startup de histórias interativas.

Anthony é medalhista olímpico duas vezes no basquete e já ganhou sete vezes o NBA All-Star. Ele espera levar seu sucesso ao investimento de tecnologia. A firma tem base em Nova York e espera investir em startups começando agora das áreas de mídia e startups do momento.

“Desde que consigo me lembrar, sempre tive um interesse em tecnologia”, disse Anthony num anúncio oficial do fundo. “Estamos procurando por empresas com líderes confiantes que criam produtos que vão de acordo com o que o consumidor quer. Eu particularmente estou de olho em empresas envolvidas em tecnologia wearable e dispositivos conectados. Essas são as grandes áreas do futuro”, disse.

Outros jogadores de basquete como Amar’e Stoudemire, Baron Davis e Steve Nash também já se aventuram em investimentos em empresas de tecnologia.