A startup PaySession lançou ontem a versão oficial de seu aplicativo HelloUniverse de tradução por telefone, desenvolvido para atender estrangeiros no Brasil e brasileiros no exterior que estejam enfrentando dificuldades de idioma para se comunicar. A empresa é acelerada pela Wayra, iniciativa global da Telefônica para apoio e promoção de startups tecnológicas, e é uma das incubadas do CIETEC – Centro de Inovação, Empreendedorismo e Tecnologia, além de ser bolsista do Programa Startup Brasil.

O aplicativo, que é inédito no Brasil, está disponível para Android, mas o serviço pode ser utilizado a partir de qualquer telefone. O objetivo principal do sistema é conectar estrangeiros com os intérpretes da HelloUniverse de forma simples e automatizada, sem abrir mão da tradução humana.

Para utilizar o serviço, o usuário liga para a central da HelloUniverse por meio de um telefone fixo ou móvel ou a partir do próprio do aplicativo, identificando o idioma desejado (inglês, espanhol, francês, italiano ou alemão). O sistema, então, busca o intérprete disponível e estabelece a conexão.

A empresa já tem um banco de dados de 200 intérpretes, que fornecem seus números de telefone e definem os horários de disponibilidade para atender. “Essa sistemática de trabalho torna os horários muito flexíveis, atendendo às necessidades dos tradutores, que normalmente são free-lancers, e ao mesmo tempo resultando num serviço disponível 24 horas por dia”, explica Cristina Cho, uma das fundadoras da startup.

Um dos alvos da HelloUniverse são os grandes eventos que o Brasil sediará, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas, que deverão trazer cerca de 8 milhões de estrangeiros ao país. Já os brasileiros que viajam ao exterior são mais de 9 milhões e a projeção é que este número chegue a 11 milhões até 2015. “Nosso objetivo é resolver problemas que surgem em função da barreira de idiomas, o que torna o aplicativo um serviço essencial”, afirma a empreendedora. 

Baixo custo

Além de ser de fácil acesso e disponível em todas as horas do dia, o serviço da HelloUniverse se caracteriza pelo baixo custo: R$ 5,00 o minuto. O usuário pode adquirir um cartão pré-pago com código de acesso ou baixar o aplicativo, por meio do qual pode comprar minutos. Empresas também podem adquirir o sistema, que é facilmente integrado, podendo ajudar empregados estrangeiros ou clientes.

Para o brasileiro que está no exterior, o serviço está livre de pagamento de roaming internacional. “Ao levar o telefone, o viajante leva junto o intérprete”, avisa Cristina Cho, que desde 2011 vinha trabalhando na solução juntamente com outros três cofundadores da empresa, todos provenientes de famílias estrangeiras.

A executiva acredita que o aplicativo terá grande interesse entre agências de turismo, seguradoras, redes de hotéis e restaurantes. “A HelloUniverse é uma das mais promissoras startups aceleradas pela Wayra, pois conta com um serviço inovador e uma equipe totalmente comprometida”, ressalta Carlos Pessoa, diretor da Wayra Brasil.

 Para Sergio Risola, diretor-executivo do Cietec, “o time do HelloUniverse viu uma oportunidade e desenvolveu uma solução inovadora no mercado nacional. Sem dúvida, seu serviço será um sucesso,  não só durante os grandes eventos esportivos, mas também entre os estrangeiros que virão ao Brasil fora deles”.