O que nasce da junção de uma empresa de TI com uma de soluções de mobilidade? Um aplicativo de Google Glass, claro. Em campo ainda desconhecido para a maioria das empresas, a Mega Sistemas Corporativos, em parceria com a GeoMob lançam um aplicativo que coloca os dados gerenciados por seus sistemas ERP diretamente na tela do, ainda inédito para o público, Google Glass.

A Mega Sistemas é uma empresa que nasceu no interior de São Paulo há mais de 25 anos e é uma das mais importantes companhias de TI do Brasil oferecendo soluções de gestão empresarial para os mercados de Construção, Logística, Manufatura, Combustíveis, Agrobusiness e Serviços. A GeoMob desenvolve soluções de mobilidade digital que envolvam a exposição de informação distribuída geograficamente, oferecendo ferramentas para setores como educação, obras, turismo, marketing, ações culturais e eventos.

O aplicativo que nasceu da parceria terá recursos adicionais de leitura de código de barras, imagens em rótulo ou QRCode pelo Glass, identificando um produto e trazendo ao usuário informações sobre este ou sua localização, sem que seja necessário qualquer tipo de digitação, bastando apenas olhar através do Glass para o produto.

Segundo Walmir Scaravelli, sócio-fundador e Diretor Comercial da Mega, o acessório será um sucesso logo e por isso é bom se adiantarem. “Em nossa visão o potencial do Google Glass extrapola os limites do entretenimento. Queremos trazê-lo para dentro dos escritórios, fábricas, canteiros de obras, galpões de logística, dentre outros ambientes corporativos. Acreditamos que o seu uso pode rentabilizar uma corporação, pois torna seus colaboradores mais eficientes e assertivos e o acesso à informações estratégicas para os negócios mais ágil, democrático e transparente”, explica.

Scaravelli e Christian Gallasch, diretor da GeoMob, responderam algumas perguntas do Startupi. Veja abaixo:

De onde veio a ideia de fazer o aplicativo?

A GeoMob já vinha trabalhando em projetos de inovação há algum tempo, em especial com novos devices. Recentemente, na busca de oportunidades de criar uma sinergia com mercados mais maduros, buscou se aliar com empresas do mercado de gestão, no caso a Mega Sistemas Corporativos, para identificar como poderia transformar seus projetos e pesquisas em algo realmente prático para este mercado. Juntos identificaram várias oportunidades, mas crêem que isto é a apenas a ponta do iceberg e que somente com o início da sua utilização prática do Google Glass será possível identificar realmente até onde este mercado pode ir.

Por que fazer um aplicativo para Google Glass se nem podemos ter o dispositivo ainda?

Com a velocidade que os lançamentos ocorrem na atualidade, o objetivo foi criar, utilizar e testar o aplicativo, antes mesmo do lançamento do device, pois poderíamos ter um produto já maduro quando este fosse disponibilizado no mercado.

Qual o diferencial trazido por esse aplicativo que não poderia ser obtido em um celular?

O diferencial se mostra em todo lugar onde fique difícil utilizar as mãos, desde consultas feitas enquanto se está fazendo uma corrida ou academia ou até mesmo dentro da empresa, nas linhas de montagem, por exemplo, quando se está usando luvas ou se está com as mãos ocupadas em um processo fabril ou mesmo dirigindo uma empilhadeira e se necessite inserir dados para se obter informações: Ex.: Busca de localização de um produto no almoxarifado apenas olhando para o código de barras.

O aplicativo já está disponível? Ele será gratuito? Vocês já testaram ele no Google Glass?

Sim, o produto já se encontra disponível, embora ainda não haja uma política comercial definida até que o device seja oficialmente lançado. Ele já foi testado no Google Glass e a empresa permite que seus clientes façam experiências usando o device.

A empresa pretende desenvolver mais coisas para o Glass?

Sim. A GeoMob já possui outros produtos desenvolvidos para smartphone para facilitar a vida de turistas brasileiros no exterior ou de turistas estrangeiros no Brasil. Estes aplicativos estão sendo portados para o Google Glass e serão especialmente úteis para quebrar a barreira idiomática, em casos em que não se encontrem guias com o idioma do usuário.

Quais são os próximos projetos?

Ainda em parceria com a Mega Sistemas Corporativos, está sendo feito um estudo para utilização de aplicativos mobile para o setor público, na área de controle e execução de obras públicas. A GeoMob vem trabalhando também em projetos educacionais, mas com lançamentos previstos apenas para 2015.