A Cur.to é a nova startup acelerada pela gaúcha Estarte.Me. A startup é uma ferramenta que reúne hashtags postadas nas redes sociais e pode ser usada para pesquisar determinado evento ou ação no Twitter, no Instagram e no Facebook. Maurício Centeno, sócio-fundador da aceleradora, diz que o interesse pela Cur.to foi quase que imediato. “Não sabíamos muito bem o que o Cur.to era, mas já ficava claro que era um produto potencialmente muito diferente da grande maioria que chega até a Estarte.Me”, diz Centeno.

Depois do contato inicial, bastaram três semanas para colocar o MVP no ar. O conteúdo do Cur.to é acessível a todos, desde que os usuários que postam as hashtags tenham perfis públicos. Caso o perfil deles sejam ocultos, o conteúdo não aparece por questões de privacidade. A ferramenta também permite que o usuário interaja com o conteúdo que ele vê, basta estar logado nas redes.

O processo de aceleração da Estarte.Me dura cerca de seis meses. “Aportamos um capital semente, ao redor de R$ 20 mil por startup; Oferecemos infra-estrutura física própria e tecnológica, parceiros como AWS; mentoria e networking”, diz Centeno. Após o processo de aceleração, a Estarte.Me promove Demo Days para apresentação a investidores –o primeiro será no dia 14 de março, em Porto Alegre. A Estarte.Me pede como contrapartida entre 15% e 25% de equity das startups.

Centeno também já tem ideias do potencial da Cur.to. “Considerando o que já fizemos e o que aprendemos, duas grande linhas se apresentam: monitoramento de hashtags, para campanhas publicitárias, por exemplo, e ferramenta de segunda tela, interagindo enquanto assistem uma série, participa de um evento, show, etc”, conclui o sócio-fundador.