O Google anunciou hoje que irá comprar a Nest, empresa focada em dispositivos residenciais conectados,  por US$ 3,2 bilhões. Essa é uma das maiores aquisições da companhia.

“Os criadores do Nest, Tony Fadell e Matt Rogers, criaram um grande time e estamos empolgados em trazê-los para a família Google. Eles estão entregando produtos incríveis que você pode comprar agora — como termostatos que economizam energia e alarmes de fumaça/CO que ajudam manter sua família segura. Estamos empolgados em trazer grandes experiências para mais casas em mais países”, disse Larry Page, CEO do Google.

Além de trazer a Nest para baixo de seu guarda-chuva, o Google traz os criadores da empresa, Tony Fadell e Matt Rogers. Ambos passaram pela Apple — Rogers foi um dos primeiros engenheiros da equipe do iPhone, enquanto Fadell é conhecido como um dos “pais do iPod”.

“O Google tem os recursos de negócios, escala global e plataforma para acelerar o crescimento do Nest em hardware, software e serviços residenciais. E nossas visões empresariais estão bem alinhadas — ambos acreditamos em deixar a tecnologia fazer o trabalho pesado nos bastidores para que as pessoas se preocupem com o que importa na vida”, disseram os fundadores do Nest ao TechCrunch.

É interessante notar os interesses do Google ao desembolsar tal quantia em uma empresa de dispositivos conectados. Já haviam rumores de que a companhia de Palo Alto trabalhava com termostatos, mas acredita-se que grande parte do interesse do Google pela Nest esteja relacionado às mais de 100 patentes registradas por ela.

O acordo deverá ser completamente fechado ainda nos próximos meses, quando órgãos regulatórios aprovarem.

Via: TechCrunch
Imagem: TechCrunch