Uma viagem ao Vale do Silício pode ir além de tirar uma foto com o logo do Google e fazer entender a maneira de fazer negócios dessas companhias. A ideia é da Viking Network, uma rede de empreendedores, mentores e investidores que fará uma missão de negócios a área californiana onde pipocam empresas de tecnologia.

A imersão acontecerá dos dias 8 a 15 de fevereiro e tem o custo de US$ 3.997 (cerca R$ 9.670), além da passagem. André Bianchi, diretor de missões internacionais de negócios da Viking Network, diz que a viagem não consiste em turismo e na verdade irá englobar visitas técnicas para que o empreendedor tenha uma visão de como funciona o ambiente de empresas grandes como Google, a aceleradora Plug & Play Ventures e a Universidade de Stanford. “Nosso objetivo é passar a questão da percepção diferente às empresas que estão começando”, fala Bianchi.

O diretor também afirma que a viagem não é decorrente do momento em que empreendedorismo é a palavra da moda. “A ideia é olhar o negócio de forma mais madura e ver como funciona a energia e a cultura desse pólo de inovação”, conclui Bianchi.

Apesar do foco em empreendedores e investidores, a imersão também está aberta a outros interessados (caso haja vagas). A Viking pretende levar de nove a 11 empreendedores, já que normalmente as empresas permitem a entrada de no máximo 13 pessoas (duas seriam os guias). As inscrições e demais informações podem ser acessadas pelo site www.viking.ac/trademission ou pelo e-mail trademission@viking.ac.