A Ecosynth, empresa de biotecnologia ambiental cujo foco é voltado para purificação de água, esgoto, remoção de óleos de efluentes e plantas de filtração, recebeu um aporte do FIP Inseed Fima – Fundo de Inovação em Meio Ambiente no valor de R$ 3 milhões.

O fundo – que foi criado em 2012 e é destinado a aplicações tecnológicas inovadoras para o segmento ambiental – tem R$ 165 milhões de capital comprometido para aporte em até 20 empresas do setor de tecnologias limpas, durante quatro anos, segundo informa o site. O objetivo é permitir que as empresas investidas ampliem de forma significativa o impacto positivo de seus negócios no desenvolvimento de uma economia de baixo impacto ambiental.

A expectativa do fundo é fechar o primeiro ano de existência com cinco empresas investidas – não está claro, contudo, se já existem mais empresas na carta do fundo além da Ecosynth.

De acordo com comunicado oficial, o investimento vai ser usado na ampliação do quadro de funcionários, segmento de marketing e aumento da capacidade produtiva por meio de uma nova instalação industrial. A Ecosynth já fornece serviços para corporações como Ambev, L’Oreal e Nike do Brasil.