Foi lançado nesta semana o aplicativo Pictastik, que possibilita que os usuários explorem fotos feitas em diversas cidades ao redor do mundo, como que proporcionando uma volta ao mundo virtual pelos olhos de nativos e turistas. Quem acompanhar o Startupi de perto sabe que já escrevi sobre a história deles, quando comentei sobre os pontos positivos e negativos de se exportar parte da produção de um aplicativo.

Agora, com o app já disponível na Apple App Store, as dores de cabeça de exportar a produção já passaram e os fundadores querem criar uma “rede colaborativa global na qual as pessoas possam trocar informações e recomendações visuais”. “Diferentemente do Instagram, cujo foco são as fotos pessoais, o Pictastik explora um nicho de fotos públicas e colaborativas”, afirma Pedro Henrique Marques, um dos idealizadores do projeto.

Na prática, o usuário faz uma foto do lugar em que está e o aplicativo identifica a localização com o GPS do celular. As imagens divulgadas são, então, organizadas em categorias, como as criadas a partir das cidades em que foram tiradas, as mais populares e as que estão sendo publicadas naquele momento.

Foto: theqspeaks/Flickr (Acesse o original)