Imagine um lugar onde a Internet não pega bem no celular. Tipo, alguma região empresarial em São Paulo. Tipo na av. Paulista ou na Faria Lima. Para piorar: dentro de um local desenhado para ser uma experiência de conveniência e consumo, um shopping center. O pior lugar do mundo para você mostrar a um jornalista de tecnologia, na prática, o seu produto de vídeo online.

Mas foi o que Ramon Durães fez. Me chamou para tomar um café no mall aqui perto do escritório e me mostrou o Mozit.tv, um serviço online tipo marketplace, em que qualquer pessoa pode se cadastrar e publicar um curso em vídeo – ou comprar para assistir. Ele me contou que o autor do curso escolhe o preço e a startup fica com uma porcentagem não muito pequena “devido aos custos do servidor, garantimos que o vídeo carrega instantaneamente, em qualquer dispositivo; é uma qualidade pela qual cobramos”.

Opa, aí sim que me deu vontade de testar. Na hora. Ali mesmo. E no celular! Será que funcionou?

Funcionou! Peguei meu iPhone 4, abri o navegador, acessei o site, cliquei para fazer login com o Facebook, na hora meu perfil já ficou ativado. Poderia publicar um curso em vídeo, ou comprar algum para assistir. Tinha alguns de graça, mas pensei em comprar algum, para testar o sistema de pagamento. Introdução ao C#, por R$ 9,90. Feito. Quer assistir agora? Quero. 1, 2, 3 e… “bem-vindo ao curso”, anuncia a voz do instrutor. Obviamente, não fiquei assistindo inteiro, e o Mozit não requer que você assista no celular (apenas permite). Em um computador, funciona bem legal (e dá pra ler melhor os slides que o instrutor venha a inserir no vídeo). Ah, o Mozit tem um guia que auxilia na confecção dos vídeos. Não é complicado.

Resumindo: o Mozit é um marketplace focado em educação, onde você pode comprar e vender cursos online baseado no conceito de Crowdsourcing Learning Education, permitindo a integração entre alunos e professores, tornando o compartilhamento de conhecimento simples e integrado possibilitando ao aluno assistir seus cursos pela web, smartphone, tablets e até na sua TV em casa. A oferta de cursos ainda não e muito grande, mas mais usuários começam a descobrir o site. O critério para submeter cursos é que tenham em torno de 1h de duração e tenham uma suficiente qualidade visual e sonora – além do conteúdo em si. A equipe da Mozit verifica isso.

O Mozit acredita no grande mercado existente no Brasil que aspira por qualificação profissional buscando treinamentos online que podem ser produzidos por pessoas com qualificação específica em qualquer lugar. É importante ressaltar que todo o processo de divulgação, venda, pagamento e entrega ao cliente (aluno) é feito pelo Mozit que repassa ao autor uma comissão em cada venda cabendo ao autor, portanto, apenas produzir e enviar o conteúdo em vídeo.

Segundo Ramon Durães, fundador e CEO, “o Mozit vai além da educação tradicional, procurando criar uma relação próxima entre alunos, atendendo às suas demandas, criando indicações de cursos assistidos por amigos, promovendo networking, recomendação profissional e união de alunos e professores com interesse em um determinado curso, usando a força do crowd para direcionar a criação de novos cursos.”

Com um grande impacto social o Mozit é uma plataforma que tem o objetivo de tornar a educação acessível e disponível nos principais meios tecnológicos atuais, capacitando pessoas para o mercado de trabalho de forma rápida, direta e barata, além, é claro, de promover receita financeira para professores que desejam compartilhar conhecimento e ter uma renda adicional em cada curso vendido.

Atualmente o projeto está em fase de validação do MVP (Minimum Viable Product) e preparando-se para os próximos passos com melhoria na ferramenta incrementando novas funcionalidades e busca de novos autores para ampliar os treinamentos disponíveis.

Eu, pessoalmente, aprovei. Virei fã.