coletivuUm dos grandes problemas das grandes cidades certamente é o trânsito. Boa parte dele se deve ao transporte individual que acontece na maioria dos carros. Lembro-me que faz alguns anos estudantes da USP e Unicamp criaram sistemas de caronas que eram agendadas via web. Hoje estou aqui para falar do Coletivu, sistema para criar e organizar caronas.

O Rene Reitz, recém-formado na Poli USP, é o criador do serviço. Segundo ele esta é a segunda versão. A primeira chamava-se Dcarona. Um dos grandes problemas que ele percebeu neste primeiro serviço foi que, por ser aberto demais, as pessoas ficavam receosas de postar suas viagens por causa da privacidade.

A solução foi criar um ambiente mais fechado em grupos – caso do Coletivu – para acabar com esse problema. Cada grupo tem uma finalidade específica – por exemplo, organizar caronas para o Epicentro, evento que deve acontecer no dia 19 de Março em São Paulo. Adicionalmente existe a flexibilidade de abrir a informação para quem você não conhece.

Apesar de eu não conhecer a dinâmica das caronas, acredito que um serviço deste tipo deva ser mais aberto. A experiência anterior do Rene diz exatamente o contrário. Mas quanto mais possibilidades de interação as pessoas tiverem, mais fácil e provável será achar uma carona que se encaixe no que você procura.

Como o problema de trânsito é gritante em São Paulo a ideia do Coletivu é vender sua utilização para empresas. Colegas de firma que não se conhecem podem descobrir que moram no mesmo condomínio ou a três quarteirões de distância. As possibilidades são imensas. Torço para que algo assim caia no gosto das pessoas. E todos poderemos chegar mais rápido nos compromissos.