A organização de investidores Anjo Gávea Angels e a Plataforma  DealMatch acabam de anunciar sua parceria, que tem como objetivo facilitar o contato entre investidores e empreendedores que buscam bons negócios.  “A Gávea tem por objetivo facilitar o acesso de startups ao capital financeiro e humano de que necessitam de apoio para crescimento. Nós no DealMatch formamos um importante e exclusivo grupo fechado de investidores qualificados que coinvestem em startups selecionadas, diligenciadas e aprovadas pela curadoria em rodadas privadas de captação, por isso, criamos limitadores e barreiras que tem como propósito restringir o acesso ao público em geral. Não é, portanto, uma plataforma aberta de equity crowdfunding ou similar”, explica o fundador da DealMatch – Pierre Schurmann.

Para a presidente da Gávea Angels, Camila Farani, as expectativas em relação à parceria são as melhores possíveis, uma vez que os investidores precisam se unir e juntar forças para contribuir com o desenvolvimento de novas empresas e negócios, movimento que ainda é relativamente pequeno no Brasil se comparado aos mercados europeus e americano. “A parceria com a DealMatch veio de encontro a um desejo nosso antigo de ter uma plataforma de coinvestimento oficial para que pudéssemos direcionar as melhores startups e aproveitar ao máximo os inúmeros negócios que nos são apresentados. Escolhemos essa plataforma em específico porque sabemos do trabalho que eles desenvolvem de forma seria e direcionada. Por se tratar de uma plataforma de coinvestimento e relacionamento privada e com um alto nível de curadoria para aprovação e captação dos seus projetos que são ofertados aos investidores que compõe este seleto grupo, tenho certeza que faremos um excelente trabalho juntos”, diz Camila.

A Gávea Angels passou por reformulações recentes para se adequar a uma nova realidade que, segundo a presidente, “foram necessárias para se tornar mais rápida, objetiva e para poder ampliar o número de startups que recebem investimento em todo País”. A principal função da organização é identificar, educar e aproximar as partes interessadas – os associados, na qualidade de investidores potenciais e as startups. “Este é o nosso papel, tornar mais abundante, eficiente e eficaz o acesso de empresas nascentes ao capital financeiro e humano detido por seus associados, bem como o contato destes associados com os outros investidores, e é aí que a DealMatch será fundamental”, conclui Camila Farani.

Como empreendedores e investidores se beneficiarão

A Dealmtach é um plataforma fechada para investidores. Tem o objetivo de ser uma plataforma privada de relacionamento para investidores pré-qualificados. “Reunimos os principais players do mercado através da criação dos Investment Partners. É justamente através destes parceiros conceituados e reconhecidos no mercado nacional e internacional como a Gávea Angels que temos acesso às melhores oportunidades.” Explica o cofundador da DealMatch, João Kepler.

Para os empreendedores, a plataforma permitirá mais velocidade no processo de coinvestimento dos projetos selecionados pela Gávea Angels, bem como uma ampliação no número e qualidade de investidores qualificados que participam de cada rodada. Os investidores que quiserem participar da plataforma devem pedir um convite por meio do site.