* Por Cassio Spina

Inspirado pelo artigo de Christopher Mirabile para a Inc., gostaria de apresentar por que essa modalidade de investimento já consolidada nos Estados Unidos, está em expansão no Brasil.

No artigo ele apresenta algumas razões para o investimento anjo ter se tornado uma relevante fonte de financiamento para empreendedores focados em rápido crescimento, aqui citaremos as que mais estão de acordo com o atual cenário brasileiro.

Profissionalização dos Anjos

Esse quesito no Brasil ainda está em sua fase inicial, mas acredito que a disseminação do conhecimento e da prática desta atividade cresceu nos últimos anos no país. Veja os dados da última pesquisa da Anjos do Brasil.

Formação de Grupos/Redes de Anjos

Os grupos/redes de Anjos beneficiam o investidor por meio de acesso a mais e melhores negócios, melhores retornos (comprovados por estudos nos EUA) e diversificação de expertise etc.

O aumento no surgimento de grupos/redes em diversas regiões no Brasil contribui ainda mais para o desenvolvimento desta atividade, considerando que este tipo de investimento é principalmente regional.

Investimento entre diferentes grupos (Syndicates)

No Brasil essa modalidade ainda é pouco praticada, mas a existência de um maior número de grupos leva a crer que em breve este tipo de coinvestimento será realizado com maior frequência. Nós já temos alguns investimentos feitos nesta modalidade e esperamos que isto cresça cada vez mais.

Empreendedorismo como tendência

No Brasil, assim como nos EUA, o empreendedorismo tem se tornado uma opção de carreira crescente, fazendo com que mais pessoas criem suas próprias empresas.  No país já temos alguns casos de sucesso, e um maior número de startups leva a um aumento na chance de que mais casos possam aparecer.

A popularidade crescente deste tema também cooperou para que a capacitação nesta área também apresentasse um considerável desenvolvimento.

Em relação aos Anjos e os empreendedores, os “Anjos permitem que os empreendedores consigam os investimento em passos menores e, com o alcance de metas, aumentar o valor de suas empresas entre cada rodada de investimento.”*

Internet e tecnologias baseadas na nuvem

A evolução da tecnologia e da Internet colaborou para baratear os custos da criação e operação das startups, como citado no artigo “Infraestruturas baseadas na nuvem como serviço, permitem que os empreendedores possam facilmente criar soluções escaláveis numa base pague-conforme-uso. Assim como o marketing e a distribuição mobile e da internet permitem a conexão e o serviço aos consumidores com um custo radicalmente menor e com maior alcance.”*

Considerando as perspectivas internacionais e o cenário potencial do Brasil, mesmo com o atual cenário econômico do país, esta modalidade de investimento vem se consolidando como uma relevante opção de acesso a capital e valor agregado para startups com alto potencial de crescimento em suas fases iniciais, e uma opção extra para investidores em busca de novas opções em seu portfólio.

Quer saber mais? Acesse o site da Anjos do Brasil e veja como fazer parte da maior rede de Investidores Anjos do Brasil.

* tradução livre

 

Cassio Cassio Spina foi empreendedor por 25 anos, atualmente é Investidor Anjo e Conselheiro/Advisor de diversas empresas. É o fundador da  Anjos do Brasil, da Altivia Ventures e autor dos livros “Investidor Anjo – Como Conseguir Investimento para seu Negócio” e “Dicas e Segredos para Empreendedores“.