Muito se fala sobre a burocracia e a dificuldade de se abrir um negócio no Brasil. Eis que os rumores eram verdadeiros. A Fast Company fez uma lista dos melhores lugares para se abrir um negócio e pasme, o Brasil não está lá. Os cinco lugares são: Hong Kong, Canadá, Estados Unidos, Singapura e Austrália.

A lista leva em conta cinco fatores: investimentos (número de investidores, financiamento do governo etc.), força de trabalho (gente capacitada que você pode contratar para a sua startup), baixo custo de vida, saúde econômica e taxação para empresas de pequeno porte. Claro que alguns países se destacam em um ou outro aspecto, mas todos estão na lista pelo conjunto de fatores favoráveis.

Hong Kong

Está no topo da lista por ter pouquíssimos impostos para novas empresas. A boa educação local, que dá acesso a funcionários qualificados na região também é importante. Também tem uma alta gama de possibilidade de investimentos.

hongkong

 

Canadá

Tem como maior vantagem a boa saúde econômica. O país tem um índice de inflação de cerca de 1%, o que indica estabilidade por um bom tempo para novos negócios. Junte a isso a melhor faixa de aluguel dos listados e a boa educação do país e terá um ótimo lugar para abrir uma empresa.

canada

 

Estados Unidos

O país tem boas taxas de custo de vida, se considerarmos todos os fatores, é o com mais baixo custo de vida dos listados. Isso ajuda muito uma nova empresa, mas o contato com investidores do mundo inteiro também é um bom atrativo.

us

 

Singapura

Impostos são talvez a causa de grande parte das mortes de startups no mundo. As taxas são de 17% e por isso cada vez mais o país tem entrado na rota da tecnologia mundial onde startups pipocam a todo momento.

singapura

 

Austrália

A Austrália tem impostos bem mais altos que Singapura, mas como vantagem traz aluguéis baratos (até por ter mais espaço) e mais força de trabalho qualificada.

australia

Infográfico por http://omba.wsu.edu/